Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Aplicativo VAI passa a ter funções de segurança
Informações sobre o carro são transmitidas para o aplicativo a partir da conexão de diagnose (OBD)

Tecnologia | 15/05/2019 | 18h20

Aplicativo VAI passa a ter funções de segurança

Ferramenta agora avisa sobre furto ou roubo e monitora área de circulação do veículo

REDAÇÃO AB

O Aplicativo VAI – iniciais de Vehicle Artificial Intelligence – foi atualizado e recebeu novas funções. O sistema que já era capaz de monitorar as condições de funcionamento do veículo agora conta com recursos de segurança.

Um deles é o “Estacionamento Seguro”, que alerta o usuário quando ocorre tentativa de furto ou roubo do veículo. Outra nova função é o “Controle de Cerca”. Com ele o usuário delimita a área da cidade em que o automóvel pode rodar e por quanto tempo.

De acordo com a empresa Wings, que desenvolveu o aplicativo, a função de monitoramento da “saúde” do veículo consegue agora fazer uma varredura completa dos sistemas elétrico, de injeção de combustível e do motor, com detalhes sobre problemas. Basta plugar o VAI à conexão OBD (sigla em inglês para On-Board Diagnostic) dos carros que tiverem esse dispositivo. Pode ser utilizado por modelos fabricados a partir de 2002.

Desenvolvido em parceria com o Cesar, um centro privado de inovação, e com a Associação Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii), o VAI tem preço inicial de R$ 18 por mês e pode equipar veículos em 14 Estados. Deve ser adquirido em concessionárias ou no endereço https://vai.com.vc/.





Tags: VAI, aplicativo, veículo, sistema elétrico, OBD.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência