Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
TE Connectivity investe US$ 4 milhões para produzir nova geração de terminais no Brasil
Fábrica da TE Connectivity em Bragança Paulista fará nova família de sensores para abastecer o mercado brasileiro e de exportação

Indústria | 27/07/2020 | 17h04

TE Connectivity investe US$ 4 milhões para produzir nova geração de terminais no Brasil

Componentes para aplicações elétricas e eletrônicas da indústria automotiva serão feitos na fábrica de Bragança Paulista

REDAÇÃO AB

A TE Connectivity investiu US$ 4 milhões para nacionalizar quatro novas famílias de terminais utilizados em aplicações elétricas e eletrônicas da indústria automotiva, tanto para veículos leves, quanto pesados e máquinas agrícolas. Os novos componentes já homologados serão fabricados na unidade de Bragança Paulista (SP) e abastecerão o mercado brasileiro, bem como para exportação, incluindo os Estados Unidos.

Para produzir a nova geração dos componentes, a fábrica paulista foi preparada com novo maquinário e ferramentais importados da Europa, sendo cinco estampos de progressão e quatro prensas rápidas com periféricos como solda a laser e sistema de visão. Os novos terminais seguem o conceito de two-piece contact, onde a função elétrica é separada da função mecânica. Algumas das vantagens são alta performance, tecnologia com ponto de contato redundante, além disso, os novos terminais suportam altos níveis de vibração e temperaturas de -40 °C a 150 °C.

Segundo a empresa, nos últimos dois anos, mais de 120 itens passaram a ser fabricados em sua planta brasileira, que vem passando por um grande processo de modernização. No fim do ano passado, a TE inaugurou no local um moderno laboratório a fim de reforçar os planos de desenvolvimento local e produção de soluções de alta tecnologia para abastecer a indústria automotiva.

“Preparamos nossa fábrica no Brasil, investindo maciçamente em novos equipamentos e treinamento de pessoal, bem como estruturando-a para os conceitos da indústria 4.0 para termos plenas condições de produzir localmente o que há de mais avançado no mundo em terminais e conectores”, comenta Fabrício Miyasato, diretor de operações da TE Connectivity. “Temos que dar respostas rápidas a esta tendência positiva que valoriza o mercado nacional e, sobretudo, a engenharia local”, acrescenta.



Além de modernizar a fábrica, a TE promoveu treinamento aos seus profissionais em suas unidades da Alemanha, Espanha e Suíça. Os produtos nacionalizados também passaram por aprovação do centro de desenvolvimento da companhia em Bensheim, na Alemanha.

“Todo e qualquer produto local é testado pelo nosso novo laboratório localizado em Bragança Paulista, SP, e deve atender as normas da TE Brasil, da matriz, onde enviamos amostras e a conclusão de testes para aprovação, e dos nossos clientes. A partir da aprovação de todos e da homologação junto aos nossos clientes, podemos iniciar a produção dos novos produtos”, explica Fabrício.

O executivo afirma que mais nove terminais estão em análise de viabilidade para nacionalização ainda este ano.



Tags: TE Connectivity, investimento, componentes, indústria automotiva, Bragança Paulista, eletrônica, sensores.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência