Automotive Business
  
News Mobility Now

Notícias

Ver todas as notícias
Transformação digital deu salto de seis anos por causa da pandemia

Eventos | 04/03/2021 | 09h33

Transformação digital deu salto de seis anos por causa da pandemia

Como consequência, inovação tornou-se meta essencial na preparação da cadeia automotiva

MÁRIO CURCIO, PARA AB



A principal pergunta que o setor automotivo deve se fazer neste momento é como usar a inovação a fim de preparar seus negócios para o futuro. As respostas para o tema foram indicadas por Sílvio Meira, cientista-chefe da The Digital Strategy Company e professor do Cesar School. Ele conduziu a apresentação "Como Criar Estratégias e Relevância Digital para a Indústria Automotiva" durante o AB Plan 21 Near, evento on-line realizado por Automotive Business na quarta-feira, 3.

“Estamos vivendo um processo de transformação digital que foi acelerado em seis anos na média pela pandemia de Covid-19 e que afeta todos os mercados”, afirmou Sílvio Meira.



O professor explorou o conceito do “figital”, já que as plataformas digitais não eliminam o espaço físico nem as pessoas que buscam diferentes formas de mobilidade. Descobrir como a transformação digital vai impactar os negócios, que novos mercados isso cria e saber como se posicionar nessa cadeia de mobilidade serão buscas essenciais no novo contexto.

Meira alerta para um cuidado nessa procura. Para ele, o processo de inovação digital só terá espaço nas empresas quando for combinado com transformação estratégica. Nesse futuro ele prevê concessionárias prestando serviços de mobilidade e grandes redes de recarga atuando dentro dos edifícios em vez de fora, como os postos de combustível atuais. “É um redesenho total. Levará tempo, mas quem não começar a pensar nisso agora não terá espaço nesse mercado”, ressalta.

Em sua ideia de futuro para 10 ou 15 anos, Meira não vê espaço para novos veículos a combustão. Para ele, a combinação de motores elétricos e tecnologia autônoma dará o tom da mobilidade.

“O tempo da transformação digital é agora e os fabricantes já entenderam isso quando seus consumidores passaram a ter como prioridade em um carro a rapidez da conexão entre o smartphone e a central multimídia, e não mais as carracterísticas do motor, direção ou tipo de câmbio utilizado”, diz.

A transformação digital também passa pela Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), mas Sílvio Meira recorda que sem uma gestão estratégica do ciclo de vida da informação do negócio, e portanto dos dados dos clientes, será muito difícil seguir essa legislação. “Você obedece à LGPD num primeiro momento construindo suas bases de informação e os usos dessa base apropriadamente”, conclui.



Tags: AB Plan 21 Near, inovação, transformação digital, Sílvio Meira, The Digital Strategy Company, Cesar School, pandemia, Covid-19, mobilidade, redes de recarga, tecnologia autônoma, motores elétricos, central multimídia.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

Mobility Now

ABTV

Mobility Now