Automotive Business
  
News Mobility Now

Notícias

Ver todas as notícias
Volkswagen inicia a produção em série do seu 1º caminhão elétrico

Caminhões e ônibus | 15/06/2021 | 15h47

Volkswagen inicia a produção em série do seu 1º caminhão elétrico

Modelo e-Delivery começou a ser montado na fábrica de Resende (RJ), que foi modernizada para receber o projeto

REDAÇÃO AB

Ainda como parte das comemorações de seus 40 anos de atividades, a Volkswagen Caminhões e Ônibus anunciou na terça-feira, 15, que deu início à produção em série do seu primeiro caminhão elétrico, o e-Delivery (que você conhece em detalhes aqui), na fábrica de Resende (RJ). A montadora fez questão de lembrar que o modelo é o primeiro completamente projetado, desenvolvido, testado e aprovado no Brasil, e com isso, a fábrica da empresa no sul fluminense se tornou a primeira do País a contar com montagem em grande escala de veículos de emissão zero. A primeira unidade a sair da linha de montagem – um modelo 4x2 de 11 toneladas – já tem endereço certo e vai compor a frota da própria empresa.

“Criamos um processo sob medida para assegurar uma grande estrutura elétrica de forma eficiente. Vamos produzir os veículos aproveitando ao máximo os recursos já existentes, com um alto nível de sinergia, ao mesmo tempo em que garantimos a inovação que o cliente espera e que o produto exige”, disse Roberto Cortes, presidente e CEO da VWCO. “Todo esse avanço é acompanhando por um amplo trabalho de preparação da cadeia com os envolvidos para viabilizar a mobilidade elétrica no país”, completou.

Publicidade



A montadora investiu R$ 150 milhões no projeto do caminhão elétrico, incluindo a modernização da fábrica, que conta com uma nova área reservada exclusivamente à eletrificação, denominada e-Shop, onde os veículos recebem as baterias e são energizados pela primeira vez. Até chegar nessa etapa, todos os caminhões Delivery – independentemente do tipo de motor que usam – passam pelos mesmos processos de montagem.

A produção do VW e-Delivery conta ainda com diversos processos da indústria 4.0 adotados pela montadora desde o lançamento da atual linha Delivery, que possui nível de automação de 60% na montagem da cabine, por exemplo, e sistema de reconhecimento automático do veículo, que usa um chip específico para cada modelo na programação dos robôs. Segundo a empresa, a fábrica de Resende está equiparada ao que há de mais moderno nas linhas de produção da Europa.



Tags: Elétricos, VWCO, caminhão, e-Delivery, produção, fábrica, Resende, e-Shop, investimentos, Roberto Cortes.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

Mobility Now