Automotive Business
  
News Mobility Now

Notícias

Ver todas as notícias
Com início da produção do e-Delivery, VWCO amplia o e-Consórcio

Indústria | 13/07/2021 | 20h00

Com início da produção do e-Delivery, VWCO amplia o e-Consórcio

ABB e GD Solar entram no grupo que agora integram 10 fornecedores de soluções de eletromobilidade

PEDRO KUTNEY, AB

Criado pela Volkswagen Caminhões e Ônibus (VWCO) no fim de 2019 para viabilizar o desenvolvimento e a produção do primeiro caminhão elétrico projetado e fabricado no Brasil, bem como fornecer soluções para a eletromobilidade, o e-Consórcio está sendo ampliado com o lançamento do e-Delivery, que começou a ser vendido esta semana. Mais duas empresas, ABB e GD Solar, estão se juntando ao grupo agora formado por 10 parceiros, incluindo também Weg, CATL, Moura, Bosch, Meritor, Siemens, Semcon e Eletra, que já integravam o e-Consórcio desde o início.

Publicidade



Os dois novos integrantes fazem parte dos fornecedores soluções de eletromobilidade. A ABB se junta à Siemens para fornecer recarregadores e consultoria técnica para dimensionar a rede elétrica dos clientes que vão precisar “reabastecer” seus veículos elétricos. Na mesma linha, a GD Solar fornece painéis fotovoltaicos para geração própria de energia solar, o que pode tornar o custo de recarregamento mais barato com independência da rede de distribuição externa. Esta foi a opção da fabricante e distribuidora de bebidas Ambev, primeira cliente do e-Delivery, que já equipou o teto de suas garagens para gerar eletricidade.



TIME DE COMPONENTES



Outros cinco parceiros do e-Consórcio são fornecedores dos principais componentes, incluído o “coração” do veículo elétrico, as baterias. As células de íons de lítio são importadas da chinesa CATL e recebidas no Brasil pela Moura, que faz a montagem dos módulos e seus periféricos em uma nova linha criada em sua fábrica de Belo Jardim (PE).

De lá os módulos são encaminhados para a planta de Resende (SP), onde a Moura passou a ser a nona integrante do Consórcio Modular de produção regular da VWCO. A empresa é responsável pela operação do e-Shop, uma estação à parte da linha de montagem tradicional, para onde o chassi é “desviado” para ser equipado com o powertrain elétrico e energizado. As demais etapas produtivas do e-Delivery são as mesmas dos caminhões a diesel.


O e-Shop em Resende (RJ), onde o e-Delivery é eletrificado e energizado pela Moura

No início da linha regular de montagem, a Meritor, também integrante dos consórcios modular e elétrico, recebe o chassi montado pela Maxion e integra seu eixo trativo ECO (electric compatible), projetado especialmente o e-Delivery, que depois segue para o e-Shop onde a Moura faz a integração de seus módulos de baterias, o motor elétrico da Weg e a unidade de controle da Bosch, o cérebro do veículo com elevado poder de processamento.

Com um time envolvendo engenheiros de diversos países como Brasil, Alemanha, Índia, Áustria e Vietnã, a Bosch também nacionalizou a produção da unidade de controle do veículo, ajudando a aumentar o índice de conteúdo local do e-Delivery, que segundo a VWCO, apesar do grande número de componentes importados, já nasce com localização suficiente para ser financiado pela linha Finame do BNDES, que exige nacionalização mínima de 50% em valor e 60% em peso.


O e-Delivery é produzido na mesma linha de montagem dos outros caminhões a diesel da VWCO, a única diferença é o powertrain elétrico instalado no e-Shop

ENGENHARIA E MANUFATURA



Também integra o e-Consórcio a sueca Semcon, responsável pelos serviços de engenharia do desenvolvimento de veículos elétricos da VWCO, que além dos novos e-Delivery 11 e 14 contempla os projetos de novas versões e outros modelos, como o ônibus híbrido Volksbus e-Flex que está em fase de testes e é candidato a ser o próximo lançamento eletrificado da montadora.

Por fim, a Eletra, tradicional fabricante brasileira de trólebus, entrou no e-Consórcio desde o início como fornecedora de conhecimento na manufatura de veículos elétricos. A empresa montou os primeiros protótipos do e-Delivery e atualmente faz o retrofit de caminhões VW a diesel convertidos para a eletricidade.



- Leia também o Especial VWCO 40 Anos





Tags: e-Delivery, e-Consórcio, lançamento, VWCO, Volkswagen Caminhões e Ônibus, elétrico, caminhão, Weg, CATL, Moura, Meritor, Siemens, ABB, GD Solar, Semcon, Eletra, Bosch.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

Mobility Now